E aí pessoal… Que cenário caótico, não?!

Estamos em plena crise de coronavirus (Covid-19) e após uma forte queda, a bolsa está se recuperando.
Hesitei bastante em fazer compras este mês, apesar dos meus princípios e objetivos financeiros serem extremamente claros (aportar todo mês, sempre mais!), não posso esconder a preocupação com a redução da minha remuneração (renda ativa).
Trabalho no varejo, que está extremamente impactado com o lockdown / quarentena.
Portanto, decidi aportar menos do que o de costume, mas ainda assim não deixei de fazer meu aporte mensal, o que me deixa mais tranquilo.

Vamos às compras:

Total de aportes: R$ 5.323,37.

100 ações de ABEV3 a R$ 12,29;
60 ações de BBDC3 a R$ 20,28;
70 ações de ITUB3 a R$ 23,52;
60 ações de DTEX3 a R$ 9,23;
2 cotas de HGRE11 a R$ 143,88;
39 cotas de MXRF11 a R$ 9,99.

Muitos sempre perguntam qual o racionam por trás dos meus aportes.

Na verdade, eu atualmente não estou adicionando novos ativos na minha carteira.
Portanto, meu aporte mensal serve para “rebalancear” os ativos que eu já possuo.
Faço uma análise de qual está mais distante do objetivo, e procuro aportar nestes ativos.
Também procuro escolher aqueles que estão mais “baratos” (abaixo do meu preço médio).

Para isso, eu utilizo meu próprio aplicativo de balanceamento.

Caso tenha interesse em participar do período de testes do aplicativo, deixe por favor seu e-mail, ou envie um e-mail para mim. Meu e-mail é acumuladorcompulsivo@gmail.com.

Um abraço e espero que a gente passe por isso logo!

Stark.