Bem pessoal, como mencionei no último post, apareceu uma boa oportunidade de rentabilizar a minha carteira.

A Srª Acumuladora decidiu vender o carro para seu irmão, e comprar outro carro.
Ele (cunhado), me pediu para pegar um empréstimo no banco, para que ele pudesse comprar meu carro. Ora bolas, se o risco de calote será todo meu (já que o empréstimo estaria em meu nome), fiz as contas, e decidi “emprestar” meu próprio dinheiro para que ele pudesse comprar nosso carro, repassando juros próximos dos juros bancários, algo que eu jamais conseguiria em ativos financeiros de baixo risco.

Sendo assim, vendi o carro da Srª Acumuladora, sem contrair um empréstimo. Tive que abrir mão de alguns investimentos na minha carteira. Portanto, usei a Reserva de Emergência, e vendi ativos que eu já não estava interessado em manter na carteira, como PETR3, meus dois e únicos fundos de investimento DAYCOVAL, encerrei também algumas posições em debêntures de maior risco, uma parte de Tesouro Direto e também vendi o IVVB11, que estava me entregando um bom resultado.

Depois de vender todos estes ativos, a maravilhosa Srª Acumuladora decidiu comprar uma moto, que custa 30% do valor do carro. Portanto foi uma ótima decisão do ponto de vista financeiro, pois consegui usar o restante do valor resgatado para pagar a documentação de transferência da moto, alguns acessórios e também consegui comprar alguns ativos que precisava na carteira.

Então, seguem as compras do mês:

  • 1 Empréstimo que será recebido em 48 x R$ 960,84;
  • + 100 GRND3 a R$ 7,18 cada;
  • + 100 ITSA4 a R$ 12,30 cada;
  • +100 DTEX3 a R$ 10,17 cada;
  • +16 MFII11 a R$ 112,66 cada;
  • +54 BBDC3 a R$ 32,81 cada.

Totalizando R$ 6.539,30 de aportes + esse “contas a receber” de R$ 960,84 pelos próximos 4 anos. Nada mau. Tenho um aumento garantido nos aportes pelos próximos 4 anos. Isso com certeza vai antecipar minha meta FIRE.
Como mencionei no último post, às vezes temos que dar um passo pra trás (tive que me desfazer de alguns ativos e reserva de emergência) para depois dar dois ou mais passos para frente.

Estou animado com as perspectivas! A empresa está faturando bem também, e nós temos uns projetos bem bacanas que vão sair do papel ainda este ano!

Um abraço e até o próximo post.